19 de agosto de 2016

Palavra Cantada - O Rato em EVA

Vamos relembrar esta linda estória!
Palavra Cantada - O Rato

Todo rato tem rabo longo / Todo rato tem faro esperto / Todo rato curte o escuro, lambe restos
Todo rato deixa rastros / Todo rato trai e mente / Todo rato assusta a gente

Todo rato anda em bandos / São os ratos, são os ratos / São os ratos bem malandros
Mas sempre tem um / Que é diferente / Tem sempre um / Que até surpreende a gente
Esse rato que aqui se mostra / É um rato que a gente gosta / É um rato que em vez de catar

Lasquinhas de queijo e comer na rua / Prefere mil vezes um beijo / Um beijo brilhante da lua


Lua minguante / Lua crescente
Declaro ser o seu mais lindo amante / Com você eu quero me casar
Fazer da noite escura o nosso altar

Rato, meu querido rato / Eu não sou assim de fino trato
Pra selar este contrato / Minha luz é passageira
Fico sempre por um triz / Mesmo quando estou inteira
Vem a nuvem me cobrir / Ela sim, nuvem faceira 
É que lhe fará feliz



Nuvem redonda / Que cobre o luar
Declaro ser o seu mais lindo amante / Com você eu quero me casar
Fazer do céu imenso o nosso altar

Rato, meu querido rato / Eu não sou assim de fino trato
Pra selar este contrato / Minha sombra é tão nublada
Fico sempre por um triz / Mesmo quando estou parada
Vem a brisa me diluir / Ela sim, brisa danada
É que lhe fará feliz

Brisa macia que destrói a nuvem /Que cobre o luar
Declaro ser o seu mais lindo amante / Com você eu quero me casar
Fazer do vento o nosso altar

Rato, meu querido rato / Eu não sou assim de fino trato
Pra selar este contrato / Mesmo quando sopro forte
Vem a parede me barrar / Só a parede de uma casa
Não deixa a brisa passar / Ela sim, dura parede
É que aprenderá a te amar



Parede parada que barra a brisa / Que destrói a nuvem que cobre o luar
Declaro ser o seu mais lindo amante / Com você eu quero me casar
Fazer da terra o nosso altar

Rato, meu querido rato / Eu não sou assim de fino trato
Pra selar este contrato / Meus tijolos são de barro
Mas não é difícil me esburacar / Mesmo sendo bem segura
Vem a ratinha me cavocar / Só a ratinha bem dentuça
Saberá como te amar

Ratinha dentuça que cavoca a parede / Que barra a brisa que destrói a nuvem
Que cobre o luar / Declaro ser o seu mais lindo amante
Com você eu quero me casar
Fazer da natureza o nosso altar



Rato, meu querido rato / Eu que sou assim de fino trato / Pra selar este contrato
O meu faro é tão certeiro / Com você vou ser feliz / Mesmo não sendo perfeita
Eu sou a ratinha eleita / Fico toda aqui sem jeito
Esperando um grande queijo / Ops! Esperando um grande beijo

Toda rata tem rabo longo / Toda rata tem faro esperto / Toda rata curte o escuro, lambe restos
Toda rata deixa rastros / Toda rata trai e mente / Toda rata assusta a gente
Toda rata anda em bandos / São as ratas, são as ratas / São as ratas bem malandras


Publicado por Priscilla Alves
florzinhaarteira@gmail.com